Alta Costura | O que é e como funciona isso?

alta-costura

Que costurar é uma arte muitos sabem. Mas você sabe o que é a Alta Costura? Ou seja o que significa dizer que uma roupa é de Alta Costura? Não é tão simples como parece. Pelo senso comum, podemos pensar que se trata simplesmente de uma roupa cara e/ou de gala, mas não. A Alta Costura não é jargão da moda pra denominar algo bom. É uma expressão patenteada inclusive. Isso mesmo, o termo Alta Costura é patenteado e protegido por lei em todos os idiomas. Não é brinquedo não!

Alta Costura é um termo usado exclusivamente pelos membros da Câmara Sindical da Alta Costura, com sede em Paris. Em francês, escreve-se Chambre Syndicale de la Haute Couture. Mas o que é isso? Bom, vale começar explicando que é uma entidade, uma espécie de organização de origem francesa com nascimento no século XIX. Esta Câmara da Alta Costura foi criada com variados objetivos, entre eles: elitizar a produção e criação de roupas e proteger as criações do plágio.

Mas como surgiu a Alta Costura?

Foi em 1858 que a Alta Costura surgiu e está viva até hoje. Na realidade não foi um parisiense que deu vida à Alta Costura. Foi o maison (estilista) Charles Frederick Worth, um inglês que fez o primeiro desfile de moda conhecido e que entrou para os anais da história da moda, elitizando a produção artesanal para clientes especiais. Atualmente Alta Costura ou Haute Couture é um termo protegido juridicamente. Para ter seu nome entre os estilistas de Alta Costura somente sendo convidado a participar da lista registrada de profissionais da Alta Costura, que é controlada e regida desde então.

alta-costura-de-luxo

Mas não pense que é simples ser convidado. Para ser da Alta Costura é preciso seguir regras, sem quaisquer relapsostais como: ateliêr com mínimo de 15 pessoas, uma nova coleção a cada estação com 35 modelos para noite e dia, endereço entre as Avenidas Champs Elyssés, Montaigne e George V (mais importantes de Paris), toda peça deve ser produzida à mão e muito mais.

O que a Alta Costura faz por nós

alra-costura-parisNós, reles costureiros mortais que não participamos da Alta Costura somos impactados por ela e pelo vestuário que ela impõem diariamente. Ela é o berço da moda. Foi a partir dela, que os desfiles com modelos mulheres nasceram, dispensando os cabides. Apesar da bizarrice de alguns modelitos que vemos, há neles traços, pontos, cores e tendências que serão espalhadas pelo mundo todo e determinarão a produção de grandes marcas de vestuário. Num tempo não tão distante, a Alta Costura vendia peças sob medida. Hoje, ainda há este comércio, mas de uma forma muito mais sutil.

Quem faz parte da Alta Costura

Na década de 40, a Câmara tinha cerca de 100 grifes associadas ao termo. Hoje são poucas. As marcas da Alta Costura (que têm a honra)são entre convidados franceses e estrangeiros: Adeline André, Anne Valérie Hash, Atelier Gustavo Lins (do Brasil), Chanel, Christian Dior, Christophe Josse, Franck Sorbier,Givenchy, Jean Paul Gaultier, Maurizio Galante, Stéphane Rolland, Azzedine Alaïa, Elie Saab, Giorgio Armani, Valentino, Alexis Mabille, Alexandre Vauthier, Bouchra Jarrar, Giambattista Valli , Iris Van Herpen , Julien Fournié, Maison Rabih Kayrouz e Maxime Simoens.

Quem usa as roupas da Alta Costura é o conjunto seleto de rainhas e princesas árabes e as mulheres mais ricas do mundo. As celebridades geralmente são um meio para a marca ser divulgada. Mas nem tudo é um jardim de rosas no mundo da Alta Costura. É um ambiente altamente competitivo e com fortes razões políticas de existência. Uma roupa de Alta Costura pode custar até 100 mil euros.

Uma boa ideia para quem gosta do mundo da costura é começar fazendo moldes e costurando suas próprias peças! Veja aqui como usar o Corte de Ouro para chegar lá.

Boa costura para você :)

Armarinhos WEB

Avenida Manoel Ribas, 985 – Sala 45 80810-000 Curitiba, Paraná, Brasil

Tel: (41) 3039-6618

contato@armarinhosweb.com.br

apostila-de-costura